Cuidados com animais de estimação no verão

Os animais de estimação sofrem com o calor durante o verão e por isso precisam de cuidados. Para saber como proteger seu animal do calor e não deixar seu melhor amigo passar sufoco, confira algumas dicas.

- Cuidados com as patas

Durante os passeios no asfalto ou areia muito quente, aquelas almofadinhas que protegem as patas dos cães podem ficar queimadas, deixando a região dolorida.

Por isso, saia com o seu pet antes das dez da manhã ou depois das quatro da tarde, esses são horários onde o sol não está muito forte.

- Cuidados com a pele

Cães e gatos têm a pele rosada e muito mais sensível aos raios solares. Essa característica faz com que problemas de pele se desenvolvam com maior facilidade. Por isso, o uso de protetor solar durante os passeios é indispensável.

- Transpiração dos animais

Alguns bichos de estimação, como cães e gatos, não possuem glândulas sudoríparas, responsáveis pela produção de suor e equilíbrio da temperatura corporal. Portanto, para aliviar o calor, esses animais precisam lançar mão de outros mecanismos de resfriamento.

No caso dos cães, a respiração é a principal maneira de controlar a temperatura. Por isso, os cães abrem a boca e projetam a língua para fora, aumentando a entrada de ar. Para garantir o sossego do seu cão e evitar problemas mais graves, deixe-o descansando em locais arejados, com água fresca e bastante sombra.

Para os gatos também se deve deixe-los descansando em locais arejados, com bastante água fresca e na sombra.

- Pulgas e carrapatos

A temperatura mais amena e o ar com maior índice de umidade incentivam a proliferação de pulgas e carrapatos. Deixe a pelagem bem curta de seu pet e aplique produtos anti-pulgas, pelo menos, uma vez ao mês. Para os pets que vivem em quintal ou fazem passeios diarios, a aplicação deve ser quinzenal.

Uma dica é diminuir a frequência dos banhos, assim aumenta o tempo de ação dos medicamentos.

Voltar
Cuidados com animais de estimação no verão
  • Cadastre-se em nossa newsletter: